06/07/2020

TELMA COBRA CDHU E COHAB SOBRE REAJUSTE NO SÃO MANOEL

A vereadora Telma de Souza cobrou explicações da Companhia de Habitação da Baixada Santista (Cohab) e da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) do Estado de São Paulo sobre o reajuste de quase 40% na prestação dos imóveis do conjunto Habitacional Santos "O", no bairro São Manoel. Os valores variam de acordo com cada renda apresentada por cada morador, mas uma prestação que custava R$ 149, 70, por exemplo, aumentou para R$ 206, 32.

"Um aumento de quase 40% na mensalidade dos apartamentos é muito alto. O que mais nos espanta é um reajuste deste peso acontecer sem uma comunicação prévia, durante a pandemia, quando grande parte dos moradores perdeu seus empregos ou fontes informais de geração de renda", pontua a ex-prefeita de Santos.

O Conjunto Santos "O" já foi tema de outros trabalhos da vereadora por conta da constatação de falhas estruturais na obra, má qualidade de suas instalações e um incêndio ocorrido em um apartamento após um curto-circuito no Carnaval deste ano.

"Há dois anos acompanhamos o caso dos moradores da Rua João Carlos da Silva, no Jardim São Manoel, e a luta pela permanência em suas casas consolidadas e também aqueles que foram para os apartamentos no Conjunto Santos "O", com reuniões, encaminhamentos, audiências na Cohab, Prefeitura e Promotoria. Neste momento de pandemia, continuamos na retaguarda para que possam manter suas condições de moradias. É necessário tomar providências", ressalta Telma.

Leia também

PROJETO QUE PROÍBE INCINERADOR EM SANTOS TEM APOIO DE 55 ORGANIZAÇÕES AMBIENTAIS 

Ver mais

TELMA DEFENDE VALORIZAÇÃO PERMANENTE DA GUARDA MUNICIPAL

Ver mais

AVANÇA PROJETO QUE ESTENDE CONTRAPARTIDAS PRIVADAS PARA ÁREAS VULNERÁVEIS DE SANTOS

Ver mais