Últimas Notícias

17/07/2017

REPARAÇÃO HISTÓRICA A ESMERALDO TARQUÍNIO FOI INICIADA POR TELMA, AFIRMA ESMERALDINHO


Quase 50 anos depois de ter sido eleito e 35 anos após sua morte, Esmeraldo Tarquínio Soares de Campos Filho foi, oficialmente, declarado Prefeito Municipal de Santos. O ato que devolveu simbolicamente o mandato de Tarquínio foi realizado nesta segunda-feira (17/07), no Salão Nobre que leva o seu nome no Paço Municipal, honraria concedida por Telma de Souza, quando prefeita da Cidade.

Para o filho de Esmeraldo Tarquínio, Esmeraldo Tarquínio Neto, o Esmeraldinho, a reparação histórica ao primeiro e único negro eleito prefeito de Santos começou na gestão de Telma como Prefeita Municipal. Foram autorizados por ela as primeiras demonstrações de reconhecimento da Cidade ao seu grande líder, que foi impedido de assumir pelo regime militar em 1968. Nesse período, Telma concedeu a 
perpetuação da campa de Tarquínio no Cemitério do Paquetá e, ainda, promoveu a entronização do retrato de Tarquínio ao Salão Nobre do Paço Municipal, dando a ele o nome do espaço.

Há um mês, Telma novamente participou de homenagem a Tarquínio, quando a Câmara de Vereadores aprovou projeto de lei que lhe concedeu o título honorífico de Prefeito Municipal de Santos. "Hoje, passados 35 anos de sua morte, o mandato é oficialmente e simbolicamente estabelecido. A Ditadura impediu Esmeraldo Tarquínio de exercer o cargo de Prefeito, mas a História o imortalizou no coração dos santistas. Viva Esmeraldo Tarquínio, Prefeito Municipal de Santos!", celebrou Telma.